Exterior em forte queda arrasta Ibovespa ao 81 mil pontos – Valor

SÃO PAULO  –  O movimento negativo das bolsas americanas hoje arrastou o Ibovespa para os 81 mil pontos, em um dia de perdas para praticamente todos os ativos da renda variável.

No ajuste final, o Ibovespa caiu 2,59%, aos 81.861 pontos, na mínima do dia. O volume negociado foi de R$ 7,9 bilhões. Somente as units da Klabin (+0,62%, a R$ 17,75) fecharam em alta hoje.

A piora começou a se desenhar na reta final do pregão, conforme as bolsas americanas acentuavam perdas. O Ibovespa caiu 1,80% no fechamento, às 18h, e perdeu 664 pontos apenas no leilão de ajuste, quando o Dow Jones chegou a desabar mais de 5%.

As siderúrgicas, papéis considerados de “beta alto”, isto é, que se movem com mais intensidade do que o próprio Ibovespa, tiveram os piores desempenhos no dia. CSN (-5,76%), Gerdau PN (-5,70%) e Gerdau Metalúrgica (-5,18%) lideram as baixas, enquanto outros ativos de peso, como Petrobras PN (-4,66%) e Itaú (-3,51%) também recuaram. Mesmo a Vale, que vinha em um pregão de ganhos no dia, inverteu a tendência junto com o mercado e cedeu.

Segundo operadores, o forte ajuste lá fora ocorreu depois da leitura de que o crescimento mais acelerado da economia americana pode mudar o ritmo de alta de juros no país. A perspectiva fez com que apostas mais “defensivas” voltassem a rondar os negócios.

Mas a bolsa brasileira, na leitura de alguns especialistas, ainda mostra força em relação ao próprio exterior e pode se ajustar até os 80 mil pontos, depois que escalada aos 86 mil pontos foi feita rapidamente. A força pôde ser vista depois que Wall Street começou a piorar o desempenho, enquanto, no Brasil, os preços conseguiam se sustentar.

Ainda assim, para Marcos Mollica, sócio da Rosenberg Investimentos, o mercado entrou numa trajetória preocupante, que se retroalimenta. “Esse movimento começou como uma correção, depois que as bolsas subiram muito e de forma acelerada”, afirma.

Fonte Oficial: Valor.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!