Lucro líquido da Duratex cresce 235,7% no 4º trimestre – Jornal do Comércio

A Duratex – fabricante de painéis de madeira, pisos, louças e metais sanitários – teve lucro líquido de R$ 84,618 milhões no quarto trimestre de 2017, elevação de 235,7% frente ao mesmo período de 2016. No acumulado do ano, o lucro alcançou R$ 185,015 milhões, avanço de 605,4%.

A evolução do lucro reflete a economia de custos e despesas, os aumentos de preços das mercadorias implementados ao longo do ano e um resultado financeiro mais favorável em virtude da queda da taxa de juros e da redução da dívida financeira.

Por sua vez, o lucro líquido recorrente da Duratex foi de R$ 112,936 milhões no quarto trimestre, um salto de 1.647,4%. Em todo o ano, atingiu R$ 180,668 milhões, revertendo prejuízo acumulado no ano anterior.

O lucro recorrente desconsidera efeitos extraordinários. No trimestre, a companhia foi beneficiada em R$ 5,2 milhões pela venda de terras, mas acabou prejudicada em R$ 33,5 milhões por uma provisão para perda na recuperação de ativos, relacionada a ativos que não englobam mais os planos estratégicos.

A Duratex reportou ainda Ebitda (lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) de R$ 279,879 milhões de outubro a dezembro, queda de 3,3%. No ano, o Ebitda chegou a R$ 986,788 milhões, alta de 9,5%.

A receita líquida consolidada somou R$ 1,102 bilhão no último trimestre de 2017, crescimento de 7,2%, e totalizou R$ 3,990 bilhões no ano, avanço de 2,1%.

O resultado financeiro líquido foi negativo em R$ 54,2 milhões no quarto trimestre, um recuo de 31,1%. No ano, foi negativo em R$ 206,113 milhões, baixa também de 31,1%.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!