Bitcoin cai abaixo de US$ 6 mil, acumulando queda de 70% desde dezembro – Jornal do Comércio

O bitcoin chegou a cair abaixo da barreira de US$ 6 mil nesta terça-feira (6), estendendo um movimento de desvalorização que eliminou mais de US$ 200 bilhões de seu valor de mercado em quase dois meses.

Na mínima do dia, o bitcoin foi negociado a US$ 5.947,40, acumulando desvalorização de cerca de 70% desde que atingiu a máxima histórica de US$ 20 mil em dezembro, de acordo com a CoinDesk, principal consultoria de moedas digitais. Às 8h20min (de Brasília), o bitcoin havia se recuperado parcialmente e operava a US$ 6.614,34, com queda de 4,3% ante ontem.

O último tombo do bitcoin coincide com um forte movimento de queda nos mercados globais de ações. Nos EUA, o Dow Jones caiu mais de 1.175 pontos ontem, sua maior queda histórica em um único dia. O movimento de liquidação se espalhou para as bolsas da Ásia durante a madrugada e também afeta os mercados europeus nesta manhã.

Nas últimas semanas, o bitcoin ficou pressionado em meio a iniciativas na Coreia do Sul, China e Índia para restringir operações com as chamadas criptomoedas. Além disso, há relatos recentes de bolsas de moedas digitais que sofreram ataques de hackers no Japão e Coreia do Sul. 

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!