Especialistas aconselham quem vai viajar a comprar dólar aos poucos – Jornal do Comércio

A volatilidade nos mercados financeiros, depois do tombo recorde nas bolsas norte-americanas na segunda-feira, deixou em alerta quem tem viagem marcada para o exterior. O dólar comercial chegou a R$ 3,279 ontem pela manhã e fechou em R$ 3,2428. O dólar turismo encerrou o pregão cotado a R$ 3,3830.

Para Myrian Lund, planejadora financeira e professora da Fundação Getulio Vargas (FGV), o melhor a se fazer no momento é ter cautela. “Se você vai viajar, compre dólar aos poucos, uma vez que o mercado ainda está muito oscilante”, recomenda Myrian.

Na visão do educador financeiro Thiago Nigro, o melhor é dividir a compra da moeda. “Num trocadilho, a bolsa sobe de escada e cai de elevador. Então, mesmo o melhor investidor do mundo não sabe o que vai acontecer”, explica. “Na atual situação, eu aconselharia a fazer a compra dos dólares em duas partes. Metade hoje, e o restante bem próximo da data da viagem. Não é possível acertar o dia do melhor preço, mas, dessa forma, você tem menos chances de pagar muito caro pela moeda”, diz.

Luiz Eduardo Portella, sócio-gestor da Modal Asset, acredita que a tendência é de queda do dólar comercial no Brasil neste ano. Mas há incertezas no cenário. “No Brasil, acredito que o dólar feche o ano por volta de R$ 3,00. Mas isso depende de muitos fatores, e o principal deles é a eleição”, explica.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!