Yuan cai 1,1% ante dólar hoje, maior queda desde desvalorização de 2015 – Jornal do Comércio

O yuan caiu 1,1% em relação ao dólar nos negócios de Xangai nesta quinta-feira (8), registrando seu maior tombo desde agosto de 2015, quando o Banco do Povo da China (PBoC) desvalorizou a moeda em quase 2%.

Analistas não identificaram a causa imediata da queda do yuan, mas o movimento coincidiu com a divulgação da balança comercial chinesa de janeiro, que trouxe números de exportações e importações acima da expectativa.

No encerramento da sessão em Xangai, o dólar valia 6,3260 yuans. A taxa de paridade estabelecida pelo PBoC para hoje era de 6,2822 yuans por dólar.

Pelas regras do BC chinês, o yuan pode variar até 2% diariamente, para cima ou para baixo, em relação à taxa de paridade. 

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!