Dólar recua ante rivais em dia de avanço das bolsas nos Estados Unidos – Jornal do Comércio

O dólar fechou em queda na comparação com seus principais rivais nesta segunda-feira (12), com os investidores sendo atraídos pelos mercados de ações, que ensaiaram uma recuperação após duas semanas de duras perdas em Nova Yorque.

No fim da tarde, o dólar recuava para 108,60 ienes, de 108,80 ienes no fim da tarde de sexta-feira; o euro subia para US$ 1,2290, de US$ 1,2243; e a libra avançava para US$ 1,3831, de US$ 1,3827.

O mercado de ações dos Estados Unidos fechou em alta consistente, após cair cerca de 6% na semana passada.

A forte volatilidade das bolsas e preocupações sobre uma aceleração no ritmo de aperto monetário nos EUA, diante de sinais de pressões inflacionárias, desencadearam duas semanas de turbulência, empurrando os investidores para o dólar. Neste mês, a divisa já subiu cerca de 1% na comparação com uma cesta de outras divisas.

Apesar das perdas desta segunda, alguns investidores acreditam que a moeda americana vai continuar a se beneficiar das oscilações do mercado nos próximos dias.

“Os bons e velhos dias de baixa volatilidade e dinheiro fácil estão chegando ao fim”, disseram analistas da TD Securities, em uma nota a clientes. “Esperamos que o dólar siga avançando na semana.”

Na Chicago Mercantile Exchange (CME), o contrato da bitcoin para fevereiro fechou em alta de 2,90%, a US$ 8.860,00.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!