Inflação nos supermercados chega a 0,98% em janeiro – Jornal do Comércio

Após queda recorde no ano passado, os preços em supermercados de São Paulo iniciaram 2018 em trajetória de alta. Segundo o Índice de Preços dos Supermercados (IPS), calculado pela Associação Paulista de Supermercados (APAS) e Fipe, a inflação nos supermercados chegou a 0,98% em janeiro.

No acumulado de janeiro a dezembro de 2017, os preços dos supermercados haviam registrado queda de 2,3%, menor valor desde o início da medição em 1994.

A Apas destaca em nota que o mês de janeiro é tipicamente um mês de elevação de preços no setor. A entidade manteve sua projeção de que os preços devem subir na ordem de 3% a 4% este ano na comparação com 2017.

A deflação de alimentos do ano passado foi consequência da safra recorde brasileira, mas em 2018 a expectativa é que o efeito seja menor. Além disso, a entidade trabalha com um cenário de retomada da demanda, com melhora no nível de emprego, o que tende a permitir uma recuperação dos preços.

A análise de janeiro aponta a ocorrência de aumentos de preço na maior parte dos grupos de produtos. Das 27 subcategorias que compõem o IPS, 19 apresentaram aumento. Os produtos in natura tiveram alta de 6,47%, puxados pelo aumento no preço dos legumes, na ordem de 25%, o quinto maior da série histórica.

No grupo dos produtos industrializados, o aumento em janeiro foi de 0,74%, menor que o registrado em janeiro de 2017, quando a inflação chegou a 0,92%. Todos os subgrupos desta categoria apresentaram crescimento, com destaque para os derivados do leite, que possuem um peso alto na composição de gastos familiares, e registraram crescimento na ordem de 0,68%. A margarina foi a grande responsável pelo resultado, com alta de 2,04%.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!