Com poucos negócios e sem pressão do câmbio, ouro fecha em alta de 0,07% – Jornal do Comércio

Com um volume de negócios ainda muito abaixo da média e o câmbio sem movimentações significativas, o ouro oscilou nesta quarta-feira (21) em torno da marca de US$ 1.330 por onça-troy, próximo da estabilidade, até fechar em leve alta. Na terça-feira, a valorização generalizada do dólar, que encarece o metal para investidores que operam outras divisas, havia contribuído para a maior queda diária na cotação do ouro desde dezembro de 2016.

Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o contrato de ouro para abril fechou com avanço US$ 0,90 (0,07%), a US$ 1.332,10 por onça-troy.

A liquidez reduzida do metal nas últimas sessões se deve tanto à continuidade do recesso prolongado de muitos investidores asiáticos pelo ano-novo lunar quanto ao compasso de espera do mercado antes da divulgação nesta tarde da ata da última reunião de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central americano). Fonte: Dow Jones Newswires

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!