Fusão Liquigás-Ultragaz será julgada no dia 28 de fevereiro pelo Cade – Jornal do Comércio

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) vai julgar na próxima semana a operação de compra da Liquigás, empresa da Petrobras, pela Ultragaz, do Grupo Ultra, dono da rede de postos de combustíveis Ipiranga. A pauta da sessão de julgamento da quarta-feira (28) foi divulgada nesta quinta-feira, 22, no Diário Oficial da União (DOU). A sessão terá início às 10 horas.

A tendência é que o Cade barre o negócio entre Liquigás e Ultragaz, mas alguns conselheiros são favoráveis à aprovação do acordo, só que com fortes restrições.

A operação entre as distribuidoras de gás é considerada complexa por causa da alta concentração de mercado em algumas regiões do País.

O caso é importante tanto para a estatal – que está em processo de desinvestimentos de ativos não estratégicos – quanto para o Ultra, que se isolará na liderança com essa transação e já teve barrado outro importante negócio pelo órgão antitruste – a compra da rede de postos Ale pela Ipiranga, em agosto passado.

A sessão de julgamento da quarta-feira ainda tem outros sete itens, dos quais um processo administrativo contra postos de combustíveis do Estado do Rio Grande do Norte, o ato de concentração entre Weg Equipamentos Elétricos e TGM e um processo administrativo contra a Associação Brasileira dos Exportadores de Cítricos (Abecitrus) e outras empresas do setor.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!