Porto do Rio Grande inicia o ano com movimento positivo – Jornal do Comércio

O setor de estatística da Superintendência do Porto do Rio Grande concluiu a análise de dados do mês de janeiro referente à operação portuária. O primeiro mês de 2018 foi marcado por uma movimentação superior a 2,4 milhões de toneladas. Destaque para a soja, contêineres e os veículos que tiveram aumento de movimento.

Ao longo de janeiro foram 245 viagens de embarcações no complexo portuário nos três movimentos: cabotagem, longo curso e navegação interior. “O ano de 2017 foi expressivo e tivemos picos extras de diversos produtos. O ano que se inicia nos mostra que precisamos focar em uma operação ágil e competitiva no mercado para atrair novas cargas e seguir com bons números de movimentação”, afirma o diretor-superintendente Janir Branco. Ao total, foram movimentadas 2.457.474 toneladas dos mais variados produtos.

Quatro segmentos foram destaque na movimentação do mês de janeiro 2018 quando comparado ao mesmo período do ano anterior. Os contêineres tiveram alta de 4,45%, totalizando mais de 564 mil TEUS. O complexo soja (óleo, farelo e grão) somou 684,9 mil toneladas, um aumento de 12,1%. Os desembarques de cevada no cais público tiveram alta de 52,09%. Por fim, os veículos foram os responsáveis pelo mais expressivo aumento. Quando comparado a janeiro de 2017, a alta foi 359,7%. No primeiro mês de 2018 foram mais de 7,8 mil veículos rodantes.

“O aquecimento da economia nacional e a recuperação econômica que vem ocorrendo no último ano somado aos investimentos das montadoras no Rio Grande do Sul proporcionaram esse expressivo aumento que tivemos no mês de janeiro”, afirma o diretor-superintendente Janir Branco. Em 2017, o porto do Rio Grande movimentou mais de 41 milhões de toneladas dos mais variados produtos. Foi o melhor desempenho da história do complexo portuário rio-grandino.

 

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!