Nuvem representará 95% do tráfego total de data centers – Jornal do Comércio

Impulsionado pelo crescimento das aplicações em nuvem, o tráfego dos data centers está crescendo rapidamente. A 7ª edição do Cisco Global Cloud Index (2016-2021) prevê que o tráfego global de data center em nuvem alcance 19,5 zettabytes (ZB) por ano até 2021, um aumento em relação a 6.0 ZB por ano em 2016. Globalmente, representará 95% do tráfego total de data centers até 2021, em comparação com 88% em 2016.

As melhorias na governança de data centers e no controle de dados ajudaram a minimizar o risco corporativo e a proteger melhor as informações dos consumidores. As inovações de segurança, combinadas com benefícios tangíveis de computação em nuvem, incluindo escalabilidade e economias de escala, desempenham papéis fundamentais para fomentar o crescimento da nuvem projetado no estudo.

Além disso, o crescimento de aplicações de Internet de Coisas (IoT), como carros inteligentes, cidades inteligentes, serviços de saúde e serviços públicos digitais conectados, requer soluções de computação e armazenamento escaláveis para acomodar demandas de data centers novas e em expansão. Em 2021, a Cisco espera que as conexões de IoT cheguem a 13,7 bilhões, contra 5,8 bilhões em 2016.

“O crescimento de aplicações de data centers claramente está aumentando neste novo mundo multicloud. Este crescimento projetado exigirá novas inovações, especialmente nas áreas de nuvens públicas, privadas e híbridas”, afirma o vice-presidente do Grupo de Soluções e Plataforma de Nuvem da Cisco, Kip Compton.

 

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!