Petróleo fecha em queda após três sessões de ganhos – Jornal do Comércio

Os contratos futuros do petróleo fecharam em queda nesta terça-feira (27) após avançar por três sessões seguidas em meio a sinais de alívio da oferta.

Na Nymex, o petróleo WTI para abril fechou em queda de US$ 0,90 (-1,41%), a US$ 63,01 por barril. Já na ICE, em Londres, o Brent para maio caiu US$ 0,77 (-1,14%), a US$ 66,52 o barril.

Os contratos vêm ganhando força desde que dados do governo americano mostraram queda nos estoques do país na semana encerrada no dia 16. Esse notícia, junto com sinais de interrupção da oferta líbia e com garantias por parte de autoridades da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) de que os esforços para reduzir a produção vão continuar, ajudou a dar impulso à commodity.

Nesta terça, no entanto, há a expectativa de que o Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês) dos EUA reporte na quarta-feira um aumento dos estoques. Além disso, o avanço do dólar pesou contra os contratos da commodity, que ficaram mais caros para investidores de outros países.

Nos últimos meses, um aumento acentuado dos estoques americanos, bem como da produção e do número de plataformas em atividade no país, pressionou os preços do petróleo.

Há o temor de que os esforços da Opep para cortar a produção sejam invalidados pelo aumento das atividades do setor nos EUA.

Neta terça, o American Petroleum Institute (API) informa, depois do fechamento do mercado, sua estimativa para os estoques de petróleo bruto e derivados na semana passada, nos EUA.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!