Provisão para impostos dispara no Citibank Brasil e lucro cai em 2017 – Valor

SÃO PAULO  –  O Citibank Brasil teve lucro líquido de R$ 791,70 milhões em 2017, com queda de 17%. O saldo bruto da intermediação financeira aumentou 4%, para R$ 2,96 bilhões. Já o resultado operacional cresceu 2,7%, para R$ 1,32 bilhão.

O número final foi prejudicado pelas provisões para impostos, que subiram 580%, a R$ 619,51 milhões.

Já o lucro ajustado do Citibank foi de R$ 890 milhões em 2017, com leve alta de 0,7%. No ano passado, foi concluída a venda das operações de varejo do banco para o Itaú Unibanco, o que significa que agora a instituição americana está focada nas áreas de banco de investimento, comercial e private bank. O lucro ajustado inclui um ganho de R$ 261 milhões com a venda.

Com a exclusão do banco de varejo, os ativos totais do conglomerado caíram 14% em 2017, para R$ 61,88 bilhões. A carteira de crédito expandida recuou 43%, a R$ 10,47 bilhões.

O retorno sobre o patrimônio líquido (considerando o lucro ajustado) foi de 10,7% no ano passado, ante 10,6% em 2016. Ao término de 2017, o índice de Basileia do conglomerado era de 15,94%, de 16,58% em 2016.

Fonte Oficial: Valor.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!