Siemens busca levantar US$ 5,7 bilhões em IPO da unidade de tecnologia médica – Jornal do Comércio

A Siemens disse neste domingo que oferecerá cerca de 15% da Siemens Healthineers em uma oferta pública inicial de ações que pode chegar até US$ 5,7 bilhões. A oferta, que foi anunciada pela primeira vez em 2016, faz parte dos esforços do CEO da Siemens, Joe Kaeser, de simplificar o conglomerado e obter financiamento para expansão. A unidade de tecnologia médica, que há décadas inventou a máquina de raio-X, está buscando fortalecer a sua atuação em equipamentos de imagem e investir em novas áreas que prometem crescimento mais rápido, como diagnósticos moleculares.

A Siemens disse que a oferta de ações do seu negócio de saúde é um primeiro passo essencial para permitir que a empresa faça aquisições, especialmente nos Estados Unidos, de startups que estão desenvolvendo novas tecnologias e serviços de saúde e diagnóstico.

A Siemens começará a receber ofertas pelas ações da Healthineers no processo de bookbuilding de 6 a 15 de março. A empresa estabeleceu o preço-alvo das ações em uma faixa de 26 a 31 euros (US$ 32 a US$ 38) por ação ordinária em uma oferta de 150 milhões de papeis, cerca de 15% das ações ordinárias da companhia.

O negócio de cuidados de saúde é uma das divisões mais lucrativas da Siemens. No ano fiscal encerrado em 30 de setembro, a Healthineers registrou US$ 2,5 bilhões de lucro antes de impostos e uma receita de 13,8 bilhões de euros. A Healthineers representou 17% da receita da Siemens e 30% dos lucros da empresa.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!