Bolsas de Nova Iorque sobem em meio à oposição a plano de tarifação em Washington – Jornal do Comércio

As bolsas de valores dos Estados Unidos fecharam em alta nesta terça-feira (6) ao passo em que os investidores ponderavam os sinais de oposição em Washington ao plano do presidente, Donald Trump, de impor tarifas às importações de aço e alumínio.

O índice Dow Jones fechou em alta de 0,04%, aos 24.884,12 pontos; o S&P 500 subiu 0,26%, para 2.728,12 pontos; e o Nasdaq subiu 0,56%, encerrando aos 7.372,01 pontos.

Apesar dos tombos na semana passada em meio a temores de uma guerra comercial com os planos de Trump, a oposição às tais tarifas entre autoridades do Partido Republicano ajudou a diminuir o nervosismo dos investidores.

O presidente da Câmara dos Representantes, Paul Ryan, disse que a Casa Branca deveria ter uma postura mais cautelosa sobre o tema.

Ainda assim, investidores carregam em mente o impacto das tarifas comerciais, bem como as preocupações sobre a inflação, segundo Kate Warne, estrategista de investimento da Edward Jones.

Hoje os ganhos foram amplos, no S&P 500, com nove de 11 setores do S&P 500 observando avanços no dia. As ações das companhias do setor de Materials conduziram os ganhos em Wall Street, subindo 1,1% e verificando o segundo dia seguido de ganhos.

As ações das companhias do setor de consumo subiram 0,7% no S&P 500. A Leggett & Platt viu seus papéis avançarem 3,6% e a Netflix ganhou 3,2%.

Enquanto isso, o setor de serviços públicos do S&P 500 caiu 1,4%. A FirstEnergy perdeu 2,4%. (Com informações da Dow Jones Newswires)

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!