Bolsa de Tóquio fecha em alta, mas bem abaixo da máxima do pregão – Jornal do Comércio

A Bolsa de Tóquio fechou em alta moderada nesta sexta-feira (9), após notícia de que o presidente dos EUA, Donald Trump, e o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, concordaram em se reunir até maio e também na esteira da decisão do Banco do Japão (BoJ, na sigla em inglês) de mais uma vez manter sua política monetária inalterada.

O Nikkei subiu 0,47% hoje, a 21.469,20 pontos, encerrando a semana com valorização de 1,36%. Na primeira metade do pregão, no entanto, o índice japonês havia chegado a avançar 2,4%, numa reação inicial às possíveis negociações entre EUA e Coreia do Norte.

O BoJ, como se esperava, manteve inalteradas as condições de sua política monetária, após reunião de dois dias que terminou nesta madrugada. Em coletiva que se seguiu à decisão, o presidente do banco central japonês, Haruhiko Kuroda, reiterou que a instituição manterá os agressivos estímulos monetários atuais até conseguir atingir sua meta de inflação de 2%. 

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!