Lucro da Petrobras com Exploração e Produção cresce 12,4% para R$ 6,828 bilhões – Jornal do Comércio

A Petrobras teve lucro de R$ 6,828 bilhões na área de Exploração e Produção (E&P) no quarto trimestre de 2017, uma alta de 12,4% ante igual intervalo de 2016. No ano, a área rendeu ganho de R$ 22,453 bilhões, alta de 372% ante 2016, quando o lucro foi de R$ 4,762 bilhões.

O Ebitda ajustado do segmento subiu 22% no ano passado, para R$ 65,302 bilhões. De outubro a dezembro, totalizou R$ 17,867 bilhões, leve avanço de 0,18% ante igual trimestre de 2016. A receita de vendas atingiu R$ 134,737 bilhões em 2017, alta de 16% ante os R$ 116,033 bilhões de 2016. No último trimestre do ano passado, a receita somou R$ 37,154 bilhões, alta de 13,85% ente igual intervalo de 2016.

Em Abastecimento, a empresa teve lucro de R$ 4,573 bilhões no quarto trimestre, queda de 18,73% ante igual intervalo de 2016. No ano, o lucro nessa área caiu 42%, de R$ 31,119 bilhões em 2016 para R$ 18,050 bilhões em 2017.

Em Gás e Energia, a empresa teve prejuízo de R$ 242 milhões de outubro a dezembro de 2017, ante lucro de R$ 2,242 bilhões em igual período do ano anterior. Em 2017, o lucro nessa área cresceu 127%, para R$ 9,273 bilhões.

Na área de Distribuição, a Petrobras teve lucro de R$ 717 milhões no quarto trimestre, 469% a mais em relação ao mesmo intervalo de 2016. No ano, o lucro da estatal no segmento foi de R$ 2,552 bilhões, um avanço de 774% ante os R$ 292 milhões de 2016.

Investimentos

Os investimentos da Petrobras totalizaram R$ 14,790 bilhões no quarto trimestre deste ano, com avanço de 5,19% em relação à cifra de igual intervalo de 2016 e com alta de 42% em relação aos desembolsos do terceiro trimestre.

A maior parte dos investimentos foi direcionada à área de E&P, que recebeu R$ 12,802 bilhões. Na sequência, apareceram os segmentos de Abastecimento, com aporte de R$ 1,1 bilhão, Gás & Energia, com R$ 574 milhões, Distribuição, com R$ 116 milhões, Biocombustível, com R$ 62 milhões, e Corporativo, com R$ 132 milhões.

No acumulado do ano, o investimento total chegou a R$ 48,220 bilhões, com recuo de 13% ante 2016.

A Petrobras produziu um total de 2,201 milhões de barris por dia de petróleo e LGN no Brasil e no exterior no quarto trimestre de 2017, o que representa recuo de cerca de 5% em relação a igual intervalo do ano anterior.

Na comparação aos três meses imediatamente anteriores, esse número ficou praticamente estável.

A empresa destacou que a produção total de petróleo e gás natural em todo o ano de 2017 foi de 2,767 milhão de barris de óleo equivalente por dia (boed), sendo 2,655 milhão boed no Brasil, estável em relação ao ano anterior.

Já a produção de derivados no Brasil caiu 5%, enquanto a venda doméstica apresentou queda de 6% na comparação anual, totalizando 1,800 milhão de barris por dia e 1,940 milhão de barris por dia respectivamente.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!