Acionista da Fibria terá direito de recesso até finalização de fusão com Suzano – Jornal do Comércio

A Fibria, em resposta a ofício enviado pela B3, esclarece que os acionistas que votarem contra ou se abstiverem em relação à fusão com a Suzano terão direito de recesso desde a assinatura do protocolo da operação entre as companhias até a consumação final.

A assinatura do protocolo se dará na data da primeira publicação do edital de convocação da Assembleia Geral Extraordinária (AGE), ou na data de divulgação de fato relevante objeto da deliberação. Os acionistas que quiserem exercer o direito de recesso terão 30 dias contados a partir da data de publicação da ata da AGE que aprovar a operação.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!