Ouro fecha em alta, apoiado pelo recuo do dólar antes da decisão do Fed – Jornal do Comércio

O ouro fechou em alta na sessão desta quarta-feira (21) em meio a um recuo do dólar em relação a moedas fortes, nas horas anteriores ao anúncio da decisão de juros do Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos). Um dólar mais fraco tende a favorecer a compra do metal amarelo, cotado na divisa americana, por detentores de outras moedas.

Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o ouro fechou em alta de US$ 9,60 (+0,73%), a US$ 1.321,50 a onça-troy.

“O ouro manteve áreas de suporte técnico na semana até agora, e chegou hoje a ganho superior à marca de US$ 1.320,00, possivelmente por conta de alguma proteção (de investidores) a risco de curto prazo antes do anúncio do Fed”, afirma em relatório a executiva sênior de contas da Sucden Financial, Liz Grant. “A barreira de US$ 1.340,00 ainda precisará ser testada”, diz a analista.

Na análise do Commerzbank, a sinalização do Fed sobre elevar os juros básicos três ou quatro vezes neste ano e a resposta do dólar a esse anúncio “determinarão se os preços do ouro vão se recuperar e a que ponto”.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!