CVM: Diretor da Usiminas pagará R$ 200 mil para encerrar processo – Valor

RIO DE JANEIRO  –  O diretor de relações com investidores da Usiminas, Ronald Seckelmann, fez um acordo com a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para encerrar um processo mediante o pagamento de R$ 200 mil.

A acusação da Superintendência de Relações com Empresas (SEP) se deu por causa de “divulgação intempestiva de fato relevante” com impacto nas ações da empresa. O documento foi divulgado ao mercado dois dias após o vazamento da informação de que o Grupo NSSMC havia proposto aumento de capital que poderia resultar na injeção de R$ 1 bilhão na empresa.

Inicialmente, Seckelmann apresentou proposta de termo de compromisso de R$ 50 mil. O comitê de termo de compromisso sugeriu pagamento de R$ 200 mil, em parcela única, o que foi aceito pelo diretor.

Fonte Oficial: Valor.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!