Dólar chega a R$ 3,3164, maior valor de 2018 – Jornal do Comércio

O cenário internacional manteve-se como principal referência para o mercado de câmbio na sexta-feira, e o dólar encerrou a semana no patamar acima dos R$ 3,31, atingindo seu maior valor no ano. Dois fatores domésticos acabaram por reforçar a cautela dos investidores: o desconforto com os desdobramentos jurídicos no caso da condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a proximidade do feriado de Páscoa, que encurtará a semana de negócios no Brasil.

Depois de ter oscilado em baixa na maior parte da sessão de negócios, o dólar à vista consolidou viés de alta à tarde e terminou a sexta-feira cotado a R$ 3,3164, com avanço de 0,24% no dia e de 1,17% na semana. Os negócios somaram US$ 1,3 bilhão.

A bolsa operou, na sexta-feira, colada no exterior e refletiu a volatilidade que tem sido frequentemente registrada pelos principais índices do mercado acionário em Nova Iorque. O Ibovespa perdeu força ao final da sessão de negócios e encerrou em baixa de 0,46%, aos 84.377 pontos. Na semana, a desvalorização foi de 0,60%.

“O Ibovespa operou sem direção clara, seguindo, especialmente, os Estados Unidos. A questão da guerra comercial tem feito e deve continuar fazendo preço”, ressaltou Ignacio Crespo, analista da Guide Investimento.

Entre as blue chips, os papéis da Petrobras ganharam 0,34% (ON) e 0,14% (PN), leve alta diante da valorização em torno de 2,5% dos contatos futuros de petróleo no exterior. Vale ON não teve forças para resistir às quedas, tanto do minério de ferro quanto de mineradoras correlatas, e acabou fechando em baixa de 0,79%. Já no bloco financeiro, Itaú Unibanco PN avançou 0,48%, e Bradesco PN, 0,68%. Na contramão, Banco do Brasil ON perdeu 0,55%, e as units do Santander caíram 0,62%.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!