Trump não teme guerra comercial com China, diz secretário do Tesouro – Valor

SÃO PAULO  –  Apesar das ameaças de retaliação da China aos planos dos Estados Unidos de impor tarifas de importação sobre US$ 60 bilhões em produtos chineses, o secretário do Tesouro americano, Steve Mnuchin, disse neste domingo (25) que o presidente Donald Trump não pretende recuar.

Segundo ele, não há preocupação com o começo de uma guerra comercial com o gigante asiático. “Vamos prosseguir com as tarifas. Estamos trabalhando nisso”, disse Mnuchin à emissora Fox News. “Então, como afirma o presidente Trump, não temos receio sobre uma guerra comercial, mas esse não é nosso objetivo.”

No sábado (24), o secretário recebeu um telefonema do vice-primeiro ministro chinês, Liu He. A autoridade disse que os EUA desrespeitaram regras comerciais com uma investigação sobre propriedade intelectual. Ele disse ainda que a China defenderá seus interesses.

Foi o contato de mais alto nível entre os dois governos desde que Trump anunciou as tarifas sobre produtos chineses, na quinta-feira (22)

Receios de uma guerra comercial entre Estados Unidos e China fizeram as Bolsas americanas despencarem. O índice Dow Jones e o S&P 500 encerraram a semana passada com quedas de 6%.

Mnuchin afirmou que acredita que os EUA podem alcançar um acordo com a China sobre algumas questões, mas ressaltou que as tarifas não serão suspensas “a menos que tenhamos um acordo aceitável que o presidente possa assinar”.

Sem dar prazo, o ministério do Comércio da China afirmou que poderá impor tarifa de 25% sobre carne suína exportada pelos EUA.

Fonte Oficial: Valor.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!