Venda de ativos da Gerdau para Kinross é aprovada – Jornal do Comércio

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou, sem restrições, a venda dos complexos energéticos Caçu e Barra dos Coqueiros, no estado de Goiás, da Gerdau Aços Longos para a Kinross Brasil Mineração. A decisão foi divulgada no Diário Oficial da União (DOU) de ontem.

Em comunicado de fevereiro, a Gerdau informou que os complexos foram inaugurados em 2010 e têm capacidade instalada total de 155 MW. O negócio custou R$ 835 milhões e, segundo a empresa, representa “importante passo” dentro de seu plano de desinvestimentos e estratégia de focar nos ativos mais rentáveis no segmento do aço.

A CVC anuncia novos CEO e CFO. O atual diretor vice-presidente administrativo financeiro e de Relações com Investidores (CFO), Luiz Fernando Fogaça, substituirá o diretor-presidente (CEO) Luiz Eduardo Falco a partir de 1 de janeiro de 2019. Falco segue no cargo até 31 de dezembro e também como membro do conselho de administração.

Para a posição de CFO, foi contratado Leopoldo Saboya, que passou por Perdigão, BRF, Copersucar e Pátria Investimentos.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!