Facebook divulga medidas para fortalecer privacidade de usuários – Jornal do Comércio

A companhia sediada na Califórnia anunciou em seu blog que estava adotando medidas adicionais para fortalecer as configurações de privacidade. “A maior parte dessas atualizações estava sendo trabalhada há algum tempo, mas os eventos dos últimos dias ressaltaram sua importância”, escreveu Erin Egan, vice-presidente e diretor de privacidade e política da empresa.

O Facebook disse que tornará os controles de privacidade mais fáceis de identificar e usar e oferecerá meios melhores para se apagar dados da rede social. As medidas são anunciadas dias após a companhia admitir, em 16 de maio, que dados de 50 milhões de usuários foram obtidos de maneira imprópria pela companhia britânica Cambridge Analytica, que trabalhou para a campanha presidencial de 2016 de Donald Trump nos Estados Unidos.

Ontem, a imprensa americana noticiou que o executivo-chefe do Facebook, Mark Zuckerberg, deve depor em abril no Comitê Judiciário do Senado americano para tratar da polêmica. Os executivos-chefes do Google e do Twitter também foram convidados a falar. Por outro lado, Zuckerberg recusou um convite para depor em um comitê do Parlamento do Reino Unido que investiga a disseminação de notícias falsas, mas informou que outros executivos da empresa poderiam substituí-lo.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!