Mercado financeiro estima inflação menor e reduz previsão de alta do PIB – Jornal do Comércio

Os economistas do mercado financeiro reduziram pela décima semana consecutiva a previsão para a inflação de 2018. O Relatório de Mercado Focus divulgado na manhã desta segunda-feira (9) pelo Banco Central (BC), mostra que a mediana para o IPCA este ano caiu de 3,54% para 3,53%. Há um mês, estava em 3,67%. Já a projeção para o índice em 2019 subiu de 4,08% para 4,09%. Quatro semanas atrás, estava em 4,20%.

Com as quedas seguidas, a projeção dos economistas para a inflação em 2018 caminha em direção ao piso da meta deste ano, cujo centro é 4,5%, com margem de tolerância de 1,5 ponto porcentual (índice de 3,0% a 6,0%). Para 2019, a meta é de 4,25%, com margem de 1,5 ponto (de 2,75% a 5,75%).

Entre as instituições que mais se aproximam do resultado efetivo do IPCA no médio prazo, denominadas Top 5, a mediana das projeções para 2018 no Focus seguiu em 3,41% ao ano. Para 2019, a estimativa do Top 5 permaneceu em 3,70%. Quatro semanas atrás, as expectativas eram de 3,67% e 4,00%, respectivamente.

Tanto na ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) quanto no Relatório Trimestral de Inflação (RTI), divulgados em março, o BC projetou o IPCA em 3,8% ao fim de 2018 e em 4,1% ao fim de 2019, considerando o cenário de mercado.

A inflação suavizada para os próximos 12 meses passou de 3,95% para 4,00% de uma semana para outra – há um mês, estava em 3,98%.

Entre os índices mensais mais próximos, a estimativa para março de 2018 passou de 0,15% para 0,14%. Um mês antes, estava em 0,22%. No caso de abril, a projeção seguiu em 0,33%, ante 0,36% de quatro semanas antes.

Alta do PIB de 2018 cai de 2,84% para 2,80%

O mercado financeiro reduziu suas projeções para o Produto Interno Bruto (PIB) em 2018. A expectativa de alta para o PIB este ano caiu de 2,84% para 2,80% no Relatório de Mercado Focus divulgado hoje. Há quatro semanas, a estimativa era de crescimento de 2,87%. Para 2019, o mercado manteve a previsão de alta do PIB de 3,00%, mesmo patamar visto quatro semanas atrás.

No Relatório Trimestral de Inflação (RTI) divulgado pelo BC no fim de março, a autoridade monetária manteve sua projeção de alta do PIB deste ano em 3,6%.

No relatório Focus agora divulgado, a projeção para a produção industrial de 2018 passou por mudança substancial: de alta de 3,91% para avanço de 4,29%. Há um mês, estava em 3,97%. No caso de 2019, a estimativa de crescimento da produção industrial seguiu em 3,50%, igual ao verificado quatro semanas antes.

A pesquisa do BC mostrou ainda que a projeção para o indicador que mede a relação entre a dívida líquida do setor público e o PIB para 2018 seguiu em 55,00%. Há um mês, estava no mesmo patamar. Para 2019, a expectativa passou de 57,40% para 57,20%, ante 57,60% de um mês atrás.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!