Juros futuros fecham em queda, em linha com recuo do dólar – Jornal do Comércio

Os juros futuros fecharam em queda em uma sessão desta quarta-feira (11), pautada pelo enfraquecimento do dólar ante o real. “Nessa semana, os juros subiram muito por causa do dólar. Hoje estão caindo pelo mesmo motivo”, disse um gestor de renda fixa. A taxa do contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) para janeiro de 2021, o mais líquido, encerrou a sessão regular no patamar da sexta-feira passada.

O DI para janeiro de 2019 encerrou a sessão regular a 6,260% ante 6,274% no ajuste de ontem. O DI para janeiro de 2020 fechou a 7,050% ante 7,092% no ajuste de ontem. O DI para janeiro de 2021 fechou a 8,09% ante 8,133% no ajuste de ontem. O DI para janeiro de 2023 fechou a 9,160% ante 9,212% no ajuste de ontem. O DI para janeiro de 2025 fechou a 9,670% ante 9,732% no ajuste de ontem.

O dólar seguia em queda e perto da cotação mínima intraday por volta das 16h30 em um dia cheio de vetores para a queda da moeda. Segundo Pablo Spyer, da corretora Mirae, três fatores foram os principais para pressionar para baixo a divisa dos EUA ante o real. Em primeiro lugar, ele citou a entrevista do presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, nesta manhã em que mencionou que o Brasil tem reservas internacionais suficientes para fazer frente à volatilidade do mercado em caso de necessidade. “Houve quem interpretasse a fala do Ilan como uma ‘intervenção verbal”https://worldcambio.com.br/wp-content/uploads/2018/04/juros-futuros-fecham-em-queda-em-linha-com-recuo-do-da³lar-jornal-do-comercio.br”, afirmou um analista de uma grande gestora carioca.

Em segundo lugar, Spyer mencionou a notícia de que o presidente da Rússia, Vladimir Putin, mostrou-se aberto a dialogar com Donald Trump, presidente dos EUA, sobre o caso da Síria. Por fim, o discurso do ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, contribuiu para a queda do dólar ante o real, segundo o diretor da Mirae.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!