Enel altera os termos de sua oferta voluntária pela Eletropaulo – Valor

RIO DE JANEIRO  –  A Enel Sudeste, subsidiária da italiana Enel, alterou os termos de sua oferta voluntária pela Eletropaulo. A companhia propôs agora promover e subscrever um aumento de capital de, pelo menos, R$ 1,5 bilhão (equivalente a cerca de 355 milhões de euros).

“Esse montante é adicional ao investimento total da oferta, que deve totalizar até R$ 4,7 bilhões (equivalente a 1,1 bilhão de euros na taxa de câmbio atual). Com esses novos termos, a Enel está oferecendo tanto a certeza de financiamento para a empresa quanto termos mais atraentes para os acionistas que desejarem participar da oferta”, informou a Enel, em nota divulgada na noite desta quinta-feira (19).

Nesta semana, a italiana lançou oferta destinada à aquisição da totalidade das ações do capital social da Eletropaulo, ao preço de R$ 28 por ação. Na ocasião, a Enel tinha divulgado a intenção de aportar mais R$ 1 bilhão na companhia após adquirir seu controle.

A italiana disputa a distribuidora paulista com a espanhola Ibedrola, que propôs ancorar uma emissão primária de ações da Eletropaulo ao preço de R$ 25,51 por ação. A companhia se comprometeu ainda a subscrever até R$ 1,5 bilhão na oferta primária.

Fonte Oficial: Valor.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!