Fitch reafirma rating do Reino Unido em AA, com perspectiva negativa – Jornal do Comércio

A agência de classificação de risco Fitch reafirmou nesta sexta-feira o rating AA do Reino Unido e manteve a perspectiva negativa para a nota.

Em nota, a Fitch informa que a avaliação é fundamentada no cenário base de que haverá uma transição “suave” para a saída britânica da União Europeia em março de 2019, sob as condições anunciadas no Acordo Preliminar de 19 de março deste ano.

O rating, explica a agência, equilibra ainda uma economia de alta renda, diversificada e avançada com um endividamento público comparativamente alto.

“Vislumbra-se que, durante essa transição (que se espera durar até dezembro de 2020), a UE e o Reino Unido entrarão em acordo sobre o desenho de sua futura relação econômica e comercial, e que ao fim do período de transição um acordo de livre-comércio entre as duas partes entrará em vigor”, afirma a Fitch.

A perspectiva negativa, de acordo com o comunicado, reflete os riscos contínuos, ainda que reduzidos, de uma saída hostil e disruptiva da União Europeia, que teria consequências negativas para o comércio, o investimento e os prospectos econômicos britânicos no curto e no médio prazos.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!