Fazenda insiste em juros de no máximo 7% para Plano Safra 2018/19 – Valor

RIBEIRÃO PRETO (SP)  –  Como parte das duras negociações em torno da definição do próximo Plano Safra (2018/19), o Ministério da Fazenda sinalizou nas últimas reuniões de governo que não abre mão de reduzir as taxas de juros do crédito rural para no máximo 7% ao ano, diz uma fonte a par do assunto. As linhas de custeio, financiamento mais procurado pelos produtores, estão fixadas em 8,5% no atual Plano Safra (2017/18).

Fonte Oficial: Valor.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!