Eurozona registra desemprego de 8,5% em março – Exame

O índice é o menor desde dezembro de 2008, com 13,8 milhões pessoas sem emprego no bloco

Por AFP

access_time 2 maio 2018, 09h27

O desemprego na Eurozona registrou uma taxa de 8,5% em março, o menor índice desde dezembro de 2008, anunciou a agência Eurostat, que calculou o número de pessoas sem emprego no bloco em 13,8 milhões.

Malta registra o menor índice de desemprego dos 19 países da moeda única, 3,3%. A Alemanha, maior economia da zona do euro, tem uma taxa de 3,4%.

A Grécia, submetida a uma série de programas de resgate desde 2010 em troca de duras reformas, continua com o índice mais elevado, 20,6%, resultado de janeiro.

A Espanha aparece em seguida, com uma taxa de 16,1%. Na Itália o índice de desemprego é de 11%, enquanto na França, segunda maior economia do bloco, o resultado foi 8,8%. Portugal registra uma taxa de 7,4%.

No conjunto dos 28 países da União Europeia, o índice de desemprego permaneceu estável em março, a 7,1%, com quase 17,5 milhões de pessoas sem trabalho.

Fonte Oficial: Exame.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!