Lucro lquido recorrente do Ita Unibanco soma R$ 6,419 bi no 1 trimestre – Jornal do Comércio

O Itaú Unibanco divulgou nesta terça-feira (1) lucro líquido recorrente de R$ 6,419 bilhões no primeiro trimestre deste ano, expansão de 3,93% em relação ao mesmo período de 2017, quando os ganhos foram de R$ 6,176 bilhões. Na comparação com os três meses imediatamente anteriores (R$ 6,280 bilhões), o resultado foi 2,21% maior.

O lucro do banco nos três primeiros meses do ano foi influenciado, conforme explica o Itaú em relatório que acompanha as suas demonstrações financeiras, por menores gastos com calotes no Brasil e no Chile e ainda despesas mais baixas com pessoal e administrativas. Foi compensado, em parte, por uma menor margem financeira com clientes, impactada pela menor quantidade de dias corridos no trimestre.

O Itaú informa que a partir do primeiro trimestre de 2018 passou a apresentar as operações de varejo do Citibank no Brasil linha a linha em sua demonstração de resultado gerencial. A carteira de crédito total ajustada da instituição atingiu R$ 601,1 bilhões ao final de março, alta de 0,2% ante dezembro, quando somou R$ 600,1 bilhões. Em um ano, quando o saldo era de R$ 587,0 bilhões, foi visto aumento de 2,4%.

“Temos observado uma contínua e gradual recuperação da atividade econômica, que tem levado ao aumento da confiança de consumidores e empresários, notadamente no segmento de micro, pequenas e médias empresas. Esse aumento de confiança tem naturalmente aumentado a demanda por crédito. No primeiro trimestre de 2018, concedemos 31% mais créditos para pessoas físicas e 27% mais créditos para micro, pequenas e médias empresas em relação ao mesmo período de 2017”, afirma Candido Bracher, presidente executivo do Itaú Unibanco, em nota à imprensa.

Os ativos totais do Itaú somaram R$ 1,524 trilhão no primeiro trimestre, aumento de 2,1% ante os três meses anteriores, quando eram de R$ 1,504 trilhão. Na comparação com o mesmo intervalo do ano passado, quando estavam em R$ 1,413 trilhão, houve elevação de 7,9%.

Seu patrimônio líquido foi a R$ 118,511 bilhões de janeiro a março, expansão de 3,1% em 12 meses e queda de 6,6% na comparação com os três meses anteriores. O retorno recorrente sobre o patrimônio líquido médio anualizado (ROE) do Itaú alcançou 22,2% ao final do primeiro trimestre, contra 21,6% nos três meses anteriores e 22,0% há um ano.

O Itaú publicou ainda lucro líquido de R$ 6,280 bilhões no primeiro trimestre, aumento de 3,77% em relação ao mesmo intervalo do ano passado, quando foi de R$ 6,052 bilhões. Em comparação com o quarto trimestre, de R$ 5,821 bilhões, teve incremento de 7,88%.

As principais diferenças entre o lucro líquido e o resultado recorrente no primeiro trimestre, conforme explica o banco em relatório que acompanha suas demonstrações financeiras, foram, dentre outros motivos, R$ 146 milhões em amortização de ágio, ajuste no valor de ativos para adequação ao provável valor de realização, relacionados à tecnologia.

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!