Novo hospital abre seleo para 50 vagas em Porto Alegre – Jornal do Comércio

Um dos empreendimentos previstos no Medplex no bairro Santana, em Porto Alegre, abriu seleção para contratar profissionais. São 50 vagas ofertadas para o que os empreendedores chamam de primeiro hospital de curta permanência no Rio Grande do Sul. Com a ideia de reduzir o déficit de oferta de leitos cirúrgicos em Porto Alegre, o Blanc Medplex será focado em cirurgias de baixa e média complexidade em áreas como plástica, urologia, traumatologia, mastologia, vascular e otorrinolaringologia, além de procedimentos gerais. A intenção é que o tempo de internação seja menor, reduzindo as chances de infecções e riscos à saúde dos pacientes. 

A previsão é que a unidade seja inaugurada em até 60 dias. Os interessados nas vagas devem enviar o currículo para o e-mail rh@blanchospital.com.br até 15 de maio. Um dos pré-requisitos é que o candidato tenha experiência na função escolhida. Os salários vão de R$ 1181,00 a R$ 4.500,00. São vagas em diversas funções. 

Confira as vagas abertas:

  • Recepcionista com experiência em atendimento hospitalar
  • Concierge (com domínio de inglês)
  • Assistente autorização cirúrgica
  • Técnico instrumentador cirúrgico
  • Técnico em farmácia
  • Técnico de enfermagem
  • Técnico em higienização hospitalar

O que será o novo hospital

O Blanc Medplex Hospital promete gerar uma nova experiência dos pacientes com um ambiente de saúde que não terá o tamanho de grandes estabelecimentos, que marcam o cluster do setor na capital gaúcha, o maior polo de saúde do País. O empreendimento vai ocupar o térreo do complexo e terá peculiaridades. São dois sócios médicos e mais um investidor. O investimento estimado é de R$ 30 milhões e pelo menos 1500 cirurgias serão realizadas por mês. 

São cerca de 1,6 mil metros quadrados de área física, que deve estar pronta para começar a atender em fevereiro de 2018, diz um dos sócios, o cirurgião plástico Rodrigo Wobeto. “É um tipo de hospital que tem espaço para crescer no mercado. Aqui em Porto Alegre há muita carência de leitos para cirurgia. Médicos se formam e não têm onde operar”, diz Wobeto. O Blanc vai atender pacientes de convênios e particulares e apenas procedimentos agendados, as chamadas cirurgias eletivas.

Charles Berres, também plástico e sócio de Wobeto, destaca a ideia de atendimento diferenciado. “É um conceito muito disseminado nos Estado Unidos, e são procedimentos co poucos dias de permanência, por isso reduz ainda riscos de infecção”. A ideia, diz Berres, é que os pacientes tenham uma outra experiência, como se fosse um serviço de hotelaria. Serão 25 leitos de recuperação e 15 de pernoite, além de oito salas de cirurgia.

> Como será o novo hospital na visão dos empreendedores:

Fonte Oficial: Jornal do Comércio.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!