Boi: Arroba Oscila com Incertezas Sobre Demanda por Carne – Investing.com

O setor pecuário vivencia um momento turbulento, o que tem gerado forte oscilação do Indicador ESALQ/BM&FBovespa do (estado de São Paulo, à vista) neste início de maio. Esse cenário se deve sobretudo às incertezas relacionadas à demanda por carne bovina, que resulta em inconstância da participação de operadores no mercado e também do volume de animais ofertados. Segundo pesquisadores do Cepea, de um lado, a oferta de animais favorece o aumento das escalas de abate de muitos frigoríficos, o que pressiona as cotações da arroba em alguns momentos. De outro, a necessidade de adquirir lotes com qualidade ou volumes adequados para atender a certos mercados faz com que, pontualmente, compradores participem de forma mais ativa das negociações, se dispondo a pagar preços bastante superiores.

SUÍNOS: APÓS QUEDA EM ABRIL, CARNE SE VALORIZA NESTE INÍCIO DE MÊS

A demanda desaquecida pressionou as cotações das carnes no mês passado. Segundo dados do Cepea, as médias de preços das carcaças suína comum e especial, negociadas na Grande São Paulo, recuaram 4% e 5%, respectivamente, de março para abril. No entanto, neste início de maio, o movimento é de alta para a maior parte dos cortes acompanhados pelo Cepea. De acordo com agentes, o ligeiro aumento da liquidez está atrelado ao período de recebimento de salários e ao Dia das Mães – alguns cortes tiveram valorização significativa.

MELÃO: MELÃO AMARELO SE DESVALORIZA; PREÇO DE NOBRES SOBE

A comercialização restrita pressionou as cotações do melão amarelo na semana passada (de 30 de abril a 4 de maio), conforme dados do Hortifruti/Cepea. O período de fim de mês e o feriado de 1º de maio reduziram as negociações. Além disso, a qualidade inferior da fruta também prejudicou as vendas. As recentes e constantes chuvas têm afetado o melão, principalmente do Rio Grande do Norte/Ceará. Assim, atacadistas optam por trabalhar com produtos do Vale (SA:) do São Francisco (PE/BA). Contudo, enquanto o amarelo tipo 6 e 7 foi vendido à média de R$ 25,20/cx de 13 kg na Ceagesp (valor apenas 1% abaixo do registrado no período anterior), as variedades nobres se valorizaram no mesmo comparativo, devido à oferta limitada. As cotações do cantaloupe e do gália subiram 12% e 7%, respectivamente, conforme dados do Hortifruti/Cepea.

Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.

Fonte Oficial: Investing.com.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!