Rival do Google Também Proibirá Anúncios de Bitcoin e Criptomoedas – Portal do Bitcoin

O Bing, serviço de buscas na internet da Microsoft, anunciou o banimento de propagandas relacionadas a criptomoedas e qualquer instrumento de finanças com opções binárias a partir de junho deste ano, conforme publicação na última segunda-feira (14).

O comunicado inicia descrevendo a preocupação que a rede tem em fornecer uma experiência segura aos usuários do Bing Ads e do Bing buscador, citando que frequentemente são realizadas avaliações das políticas de segurança.

O texto diz que muitos produtos relacionados ao mercado de criptomoedas não são regulamentados por órgãos oficiais, o que gera insegurança para os usuários e para a própria plataforma.

“Descobrimos que eles (anunciantes de criptomoedas) apresentam comportamento predatório com potencial para enganar os consumidores”, diz um trecho do comunicado.

O informe anuncia o início do processo para junho e a implementação para início de julho, quando qualquer propaganda de criptomoedas ou relacionadas a elas não serão mais permitidas de acordo com a nova política da rede.

As famosas ferramentas financeiras de ‘opções binárias’ também não terão mais espaços para divulgação.

“Tomamos a decisão de proibir esses anúncios para proteger nossos usuários”, relata o texto.

A Bing Ads é uma subsidiária da Microsoft (detentora também do motor de busca Bing) e oferece serviços de publicidade com busca inteligente.

Os gigantes das redes sociais, Twitter, Google e Facebook também já têm agendado as datas de banimento total de propagandas de criptomoedas ou relacionadas a elas, como é o caso das ICOs (Oferta Inicial de Moeda) que antecede um criptoativo.

Proibições semelhantes

No início do ano o Facebook foi a primeira rede social a anunciar a proibição. Na ocasião, um dos diretores do setor de anúncios da plataforma, Rob Leather, disse:

“Esta política é, intencionalmente, para melhor detectar práticas de publicidade enganosas e vamos reforçar à medida que outros sinais venham a ser notados”.

Em março, a gigante Google também anunciou medidas contra os anúncios considerados enganosos e disse que iria atualizar a política de serviços financeiros para restringi-los.

O diretor de anúncios sustentáveis do Google, Scott Spencer, explicou, então, o movimento como medida preventiva para proteger os consumidores.

“Não temos uma bola de cristal para adivinhar o futuro das criptomoedas e já vimos os danos que alguns consumidores sofreram. Abordaremos esse assunto sempre com cuidado extremo”.

Alguns dias depois da notícia do Google, o microblog Twitter também anunciou uma nova política de publicidade para também banir propagandas enganosas que levam o leitor a sites fraudulentos.

 

BitcoinTrade

Comprar e vender Bitcoin e Ethereum ficou muito mais fácil. A BitcoinTrade é a plataforma mais segura e rápida do Brasil. Além disso, é a única com a certificação de segurança PCI Compliance. Acesse agora ou baixe nosso aplicativo para iOs ou Android: https://www.bitcointrade.com.br/

O post Rival do Google Também Proibirá Anúncios de Bitcoin e Criptomoedas apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!