Governadores cobram e PT leva a Lula ‘plano B’ – Isto É

O PT vai encaminhar ao ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva proposta dos governadores petistas de abrir negociações para a escolha do vice na chapa do partido para a disputa presidencial. Na prática, isso é interpretado por setores da sigla como a primeira vez o PT vai provocar Lula, condenado e preso na Operação Lava Jato, a se manifestar sobre a possibilidade de ser substituído na eleição do dia 7 de outubro.

Duas semanas atrás a corrente majoritária do PT, Construindo um Novo Brasil (CNB), da qual Lula faz parte, tentou barrar o debate quanto à escolha do vice por entender que isso desencadearia novas especulações sobre um “plano B”.

Segundo fontes que participaram da reunião entre a direção petista e os governadores do partido, quarta-feira, em Brasília, ao menos dois dos quatro cenários em estudo no PT apontam a indicação de possíveis planos B para a vice.

O principal deles é a indicação de um petista. Os nomes cogitados são os do ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad, os ex-ministros Jaques Wagner e Celso Amorim e a presidente do PT, Gleisi Hoffmann. Qualquer um destes nomes poderia substituir Lula caso o petista seja barrado pela Justiça.

O segundo cenário é a escolha de Ciro Gomes, candidato a presidente pelo PDT. No caso de Ciro vale a mesma lógica. Se Lula for barrado, o pedetista viraria candidato a vice. Esta hipótese esbarra em Ciro que não abre mão de encabeçar a chapa.

O terceiro cenário seria a escolha do empresário Josué Gomes da Silva, filho do ex-vice-presidente José Alencar, hoje filiado ao PR. É o nome ideal do PT, mas também a hipótese mais improvável, já que sua indicação depende de Lula contornar os entraves jurídicos, algo que mesmo os lulistas mais fiéis admitem ser quase impossível. Petistas, porém, não descartam que o nome de Josué pode evoluir para ser a cabeça de chapa.

O quarto cenário é não falar em vice agora para evitar as especulações sobre “plano B”. Depois da reunião com os governadores Gleisi deixou claro que a decisão será de Lula. Segundo fontes do PT, o ex-presidente sugeriu que as conversas ocorressem extraoficialmente e que o processo de escolha do vice só seja desencadeada publicamente depois da Copa do Mundo.

O encaminhamento da proposta até Lula faz parte de um acordo firmado entre Gleisi e os governadores. Segundo participantes da reunião, a presidente do PT se comprometeu a tratar do assunto com o ex-presidente em troca de os governadores seguirem a decisão de Lula.

Até lá a direção do PT vai se concentrar na negociação das alianças estaduais, principalmente com partidos de centro-esquerda como o PDT, PSB e PCdoB. O PSOL, tradicional adversário do PT, também será procurado para acordos locais.

O PT avalia que o bom desempenho de Lula nas pesquisas, mesmo depois de preso, é um trunfo eleitoral importante para a negociação de alianças estaduais. Em conversas preliminares, petistas perceberam o interesse de vários candidatos a governador, principalmente no Nordeste, de contar com o apoio do ex-presidente.

Com isso, cresce no PT o apoio à estratégia de manter o nome de Lula durante o máximo de tempo possível e fazer a troca de candidato só depois que a Justiça decidir se aceita o registro da candidatura.

Por isso o PT marcou para o dia 28 de julho, quase no limite imposto pela lei, a convenção que vai decidir a chapa para a disputa presidencial. Na quinta, Lula reiterou aos deputados Paulo Pimenta (PT-RS) e José Guimarães (PT-CE), que é candidato. “Ele disse que é candidato e quer receber os governadores”, disse Guimarães.

No domingo, 27, o PT faz mais um “lançamento” da candidatura de Lula com pequenos atos nas cidades onde o partido está organizado. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O post Governadores cobram e PT leva a Lula ‘plano B’ apareceu primeiro em ISTOÉ DINHEIRO.

Fonte Oficial: Isto É.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!