Tensão cresce no comércio internacional e afeta mercados – Valor

As disputas comerciais globais tiveram grande impacto nos mercados de câmbio e bolsas ao redor do mundo, principalmente nos países emergentes. No México, o peso teve forte queda depois que o país decidiu impor tarifas de 15% a 25% sobre os produtos importados dos EUA, em retaliação às sobretaxas adotadas pelo governo Trump para o aço e o alumínio. Pequim se ofereceu para aumentar as compras de produtos americanos em cerca de US$ 25 bilhões neste ano, para satisfazer o desejo de Trump de reduzir o déficit comercial americano em relação à China.

Fonte Oficial: Valor.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!