Indicação de alta maior do juro nos EUA pressiona real – Valor

O Federal Reserve (Fed), banco central dos EUA, elevou ontem a taxa de juro americana em 0,25 ponto percentual, para a faixa entre 1,75% e 2% ao ano. A alta era esperada, mas a decisão trouxe surpresas e não foi suficiente para gerar alívio no mercado brasileiro, que continua volátil. O dólar, que chegou a cair abaixo de R$ 3,70, subiu depois de o presidente do Fed, Jerome Powell, dizer que a atividade econômica americana cresce a uma “taxa firme”, em vez de moderada, e indicar que o juro americano deverá subir quatro vezes neste ano, em vez de três.

Fonte Oficial: Valor.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!