Preços do etanol nas usinas avançam 8% na parcial da safra 2018/19 – Exame

Valores médios praticados pelas usinas do Estado de SP tiveram alta entre abril e junho, ante igual período do ciclo anterior

Por José Roberto Gomes, Reuters

access_time 2 jul 2018, 18h07

São Paulo – Os preços médios do etanol praticados pelas usinas do Estado de São Paulo, referência nacional para o biocombustível, tiveram alta de 8% no primeiro trimestre da safra 2018/19, de abril a junho, ante igual período do ciclo anterior, segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP.

A firmeza nas cotações ocorre diante de fortes vendas pelas usinas e destilarias, dada a demanda aquecida pelo biocombustível. Recentemente, a União da Indústria de Cana-de-açúcar (Unica) relatou comercialização recorde na primeira quinzena de junho.

Conforme o Cepea, no mês passado o valor médio do etanol hidratado, usado diretamente nos tanques de veículos, foi de 1,6037 real por litro, 1,22 por cento acima do apurado em maio. Para o anidro, a valorização foi de 4,7 por cento, para 1,8097 real por litro.

Na semana passada, porém, os preços já haviam recuado para 1,507 real por litro, no caso do hidratado, e para 1,7484 real, para o anidro, “pressionados pela maior oferta, devido à necessidade de algumas usinas em �fazer caixa�, como típico em final de mês”, disse o Cepea em relatório nesta segunda-feira.

“Do lado da demanda, algumas distribuidoras, que estavam fora do mercado, voltaram a adquirir novos volumes, mas ainda de forma tímida”, acrescentou o centro de estudos.

Os primeiros três meses de safra no centro-sul são, geralmente, sinônimo de recuo nos preços do etanol, dada a maior produção, algo que não ocorreu neste ano justamente em função do forte consumo.

Como resultado, o etanol teve um primeiro trimestre de safra com os preços mais firmes em nove anos.

Fonte Oficial: Exame.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!