Dólar tem dia de forte alta, fechando em R$ 3,9344

O dólar fechou hoje (05) no maior patamar desde março de 2006, com a moeda norte-americana subindo 0,55%, cotada a R$ 3,9344. Durante o dia, o dólar chegou a valer R$ 3,9416. A cotação acompanhou o temor dos investidores com o prazo de amanhã (06) anunciado pelo Estados Unidos para início da taxação dos produtos da China, contando com uma eventual retaliação dos chineses.

A divulgação da ata da última reunião do Federal Reserve (banco central norte-americano) aumentou o temor dos investidores, pois o documento sinaliza que pode haver uma nova alta de juros no mercado local. A posição do Banco Central, que não realizou na semana nenhum leilão extraordinário de swaps cambiais (venda futura da moeda norte-americana), também colaborou com a valorização da moeda no pregão de hoje.

Ações da Embraer

Encerrando cinco dias de pregões em alta, o índice B3 (bolsa de valores de São Paulo) fechou hoje em baixa de 0,25%, com 74.553 pontos. O cenário negativo norte-americano e a forte desvalorização dos papéis da Embraer, após o anúncio de criação da joint venture com a Boeing, contribuíram para o fechamento em queda. As ações da Embraer fecharam o pregão em queda de 14,29%, além da baixa de 8,60% nos papéis da Eletrobras.

Edição: Davi Oliveira

Fonte Oficial: EBC.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!