Lagarde pede maior cooperação na solução de conflitos comerciais – Valor

BUENOS AIRES  –  A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, que participou em Buenos Aires das reuniões de ministros de Finanças e presidentes de Bancos Centrais do G-20, neste fim de semana, reiterou que os conflitos comerciais representam riscos para o crescimento mundial. E encorajou os governos a resolverem os problemas comerciais através da cooperação internacional.

A reunião, segundo ela, foi realizada em um contexto de forte crescimento mundial contínuo, mas desigual. “De fato, a economia mundial enfrenta crescentes riscos, especialmente no curto prazo, pelo aumento das tensões comerciais, as pressões financeiras nas economias emergentes vulneráveis e o retorno do risco soberano em partes da zona do euro”, afirmou, em nota distribuída à imprensa.

Largarde disse que “durante as reuniões, encorajou os responsáveis políticos a abordarem esses riscos de forma decisiva e com um espírito de cooperação, para garantir que o recente período de forte crescimento perdure e que os dividendos sejam compartilhados mais amplamente”. Segundo ela, essa atitude é especialmente crucial quando se trata de proteger o sistema de comércio internacional aberto.

“Estimulei, uma vez mais, a que os conflitos comerciais se resolvam através da cooperação internacional sem recorrer a medidas excepcionais”, disse Lagarde, em clara referência às medidas do presidente americano, Donald Trump, de impor taxas às importações dos EUA de bens produzidos na China, e às novas ameaças de adotar alíquotas para outros países e blocos econômicos, como a União Europeia.

Fonte Oficial: Valor.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!