Banco Central da Venezuela inicia distribuição de novas notas – Exame

O Banco Central da Venezuela começou a entregar aos bancos as novas notas que entrarão em circulação no dia 20 de agosto e que eliminarão cinco zeros no bolívar devido à hiperinflação, informou o banco.

“Teve início o processo de entrega das peças que compõem a nova moeda para bancos públicos e privados no país”, disse o órgão emissor em um boletim divulgado nesta sexta-feira.

Ele não especificou quantas notas foram distribuídas neste primeiro momento.

A entrada em vigor da nova moeda foi originalmente agendada para 4 de junho, com três zeros a menos.

Mas o governo adiou-a duas vezes, a última delas em 25 de julho, com cinco zeros a menos, diante de uma inflação projetada pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) em 1.000.000% em 2018.

A nota mais alta, de 500 bolívares, será equivalente a 50 milhões de bolívares atuais (15 dólares no mercado negro).

Agora, haverá moedas de 0,5 e 1 bolívar e notas de 2, 5, 10, 20, 50, 100, 200 e 500.

Fonte Oficial: Exame.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!