Após vender 30 milhões de tokens, exchange brasileira Criptohub atrasa lançamento – Portal do Bitcoin

A exchange brasileira de criptomoedas Criptohub adiou o lançamento da plataforma para o dia 09 de agosto. O anúncio original era que ocorreria no dia 06. Segundo a empresa, o motivo desse adiamento se deu por conta de “um pequeno atraso na importação dos usuários”.

Ao acessar o site da startup brasileira há uma informação que diz que a ICO (Initial Coins Offering) já estava finalizada, mas com um pequeno detalhe de que a “Exchange será lançada em 09 de agosto”:

“Por motivos de pequeno atraso na importação dos usuários, informamos a todos que a CriptoHub será lançada Quinta-Feira 09/08 às 14 horas, horário de São Paulo para todos seus usuários.”

Na mensagem, a operadora afirma que lamenta pelo “pequeno inconveniente”, que conta com “o apoio de todos” e que vão “começar com toda força quinta-feira.”

ICO da Criptohub

Desde que a Criptohub anunciou a abertura de sua ICO, a startup tem vendido seus tokens baseados na sua moeda virtual Criptohub Coin (CHBR).

Até então, de acordo com a empresa, foram comercializados quase 30 milhões desses tokens, que são representações digitais desse novo criptoativo. A Criptohub Coin foi criada com base na Ethereum (ERC20).

Segundo informações do seu White Paper da Criptohub, cada token tem sido comercializado no valor de 0,0005 Ethereum:

“O Token CriptoHub Coin (CHBR) será oferecido na forma de um Smart Contract ERC20, tecnologia Ethereum e, ante a própria essência dessa tecnologia, uma vez executado, este contrato não pode ser alterado.”

A questão é que uma Initial Coin Offering é uma espécie de arrecadação de fundos para viabilizar projetos que envolvam a criação de criptoativos. Isso facilita e muito para que uma companhia angarie investimento sem que para isso necessite de terceiros.

O total de tokens oferecidos pela empresa até o momento é 55 milhões, mas existe um limite de até 100 milhões. A Criptohub se comprometeu ainda a não emitir novos tokens e aqueles que não forem vendidos devem ser destruídos.

A startup promete em seu site que, além de trabalhar com seu criptoativo, fará câmbio de outras 19 moedas criptografadas, incluindo o Bitcoin e o Ethereum.

A companhia afirma que as transações não deverão passar de 48 horas para serem concluídas e promete aos usuários que tiverem o criptoativo CHBR na sua carteira descontos progressivos nas operações que podem chegar até 90%, a depender da quantidade de Criptohubs que a pessoa tenha.

O fato é que, apesar de a exchange anunciar a finalização com sucesso, os usuários terão ainda de aguardar três dias para o seu lançamento.

Leia também: Foxbit, Mercado Bitcoin e Braziliex vão lançar associação de criptomoedas no final de agosto

O post Após vender 30 milhões de tokens, exchange brasileira Criptohub atrasa lançamento apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!