Cade multa Mitsubishi e Toshiba por formação de cartel – Exame

Brasília – O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) condenou nesta quarta-feira, 8, a Mitsubishi Eletric Corporation e a Toshiba Corporation por formação de cartel para fornecimento de equipamentos eletroeletrônicos. A Mitsubishi pagará multa de R$ 4,6 milhões e a Toshiba, de R$ 455 mil.

A maioria do conselho votou pela condenação das empresas. No mesmo processo, eram investigadas Alstom e Siemens, que firmaram acordos e não serão condenadas. O cartel atuou mundialmente e foi condenado em outros seis países, como Nova Zelândia, Hungria e pela União Europeia.

No Brasil, o processo foi instaurado em 2006 para apurar combinação de preços e divisão de mercado para fornecimento de aparelhos eletroeletrônicos de direcionamento de fluxo de energia elétrica utilizados em subestações de energia. O esquema teria prejudicado concessionárias de energia elétrica e grandes empresas que adquirem o produto para construir suas próprias subestações. De acordo com a Superintendência do Cade, pelo menos 90 projetos no Brasil foram discutidos pelo esquema, inclusive licitações da Companhia Paranaense de Energia (Copel) e da Light.

Os advogados da Mitsubishi e da Toshiba alegaram no julgamento não haver provas contra as companhias.

Fonte Oficial: Exame.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!