Procurando por uma Exchange que ofereça redistribuição das receitas aos detentores de moedas? Conheça a Decoin – Portal do Bitcoin

Como a mineração tradicional enfrenta problemas de escalabilidade, além dos desafios ambientais trazidos pelo consumo excessivo de energia, a indústria de criptomoedas está passando por uma mudança, saindo do Proof-of-work (PoW) e indo para o Proof-of-stake (PoS).

O PoW tornou-se menos atraente para novos projetos de blockchain, já que a proliferação de plataformas de mineração ASIC ameaçou o próprio conceito de descentralização – com poder de mineração suficiente, uma entidade poderia controlar a maior parte das novas moedas.

O PoS, por outro lado, contorna esse risco, colocando o poder de validação nas mãos dos investidores do projeto, em comparação com as plataformas de mineração. Isso significa que o PoS depende dos usuários para investir em um ICO antes de servir como validadores.

Uma notável startup de blockchain que está alavancando o PoS em todo o seu potencial é a próxima exchange e plataforma de negociação, a Decoin.

Decoin Alavancando o algorítimo PoS

A Decoin está desenvolvendo uma exchange inovadora baseada em blockchain, fornecendo utilidade real aos usuários finais. Estabelecer seu blockchain em um algoritmo de PoS sofisticado permite que a empresa ofereça um retorno de juros médio de 6,2% ao ano, incentivando os usuários a guardar as moedas nativas da empresa em suas carteiras. Em outras palavras, os usuários finais da exchange DTEP têm direito à participação nos lucros de suas receitas operacionais.

A plataforma de troca e negociação DTEP da empresa deve ser lançada em cerca de 4 a 6 meses. Esta data de lançamento é semelhante ao esperado recebimento de licenciamento da Decoin em Singapura, permitindo que a DTEP opere internacionalmente sob uma licença formal. Esses desenvolvimentos tornarão a Decoin em uma operação global, com suporte ao cliente superior oferecido por seus inúmeros escritórios multilíngues em todo o mundo.

O Decoin oferece segurança robusta para os usuários, mantendo a maior parte dos fundos (97%) offline em cold storage, enquanto o restante (3%) permanece seguro. Além disso, a empresa está fazendo progressos substanciais no desenvolvimento de seus índices do ICO. Com uma longa lista de potenciais projetos a serem incluídos, a equipe está analisando cuidadosamente quais serão selecionados. De acordo com Shay Perry, CEO da Decoin, “existem fundos de todo o mundo que estão interessados ​​em investir no projeto”.

Detalhes do ICO da Decoin

A Decoin recentemente superou sua meta de arrecadação de fundos. “Alcançar o soft cap de US$ 4.000.000 é um momento emocionante”, diz Perry. “Estamos felizes com o apoio da comunidade e anunciaremos em breve mais desenvolvimentos no projeto”.

A tecnologia da empresa está totalmente desenvolvida e os investidores terão suas moedas alocadas em suas carteiras privadas quando o ICO for concluído em 26 de outubro de 2018.

O papel da Decoin na mudança para o Proof of Stake

A Decoin permite que todos os seus usuários, que possuem uma quantidade mínima de sua criptomoeda nativa, obtenham um retorno sobre seu investimento. Esse retorno é proporcional ao valor armazenado na exchange. Reconhecendo o poderoso potencial do PoS como um meio de compartilhar valor e validar transações em seu blockchain, a Decoin é um projeto que vale a pena acompanhar à medida que ele progride através de seu ICO.

O whitepaper da Decoin pode ser encontrado aqui e você pode se manter atualizado sobre o progresso do ICO juntando-se ao do canal Telegram.

Para mais informações, acesse: https://www.decoin.io/

Siga-nos nas redes sociais:

Telegram 
Twitter 
Facebook
Bitcointalk ANN 

O post Procurando por uma Exchange que ofereça redistribuição das receitas aos detentores de moedas? Conheça a Decoin apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!