Bitmain vende Bitcoin e compra Bitcoin Cash antes de sua IPO – Portal do Bitcoin

Após chamar a atenção de gigantes investidores da Ásia, arrecadar US$ 1 bilhão e ser avaliada em US$ 15 bilhões, a Bitmain, maior empresa de mineração de Bitcoin do mundo, se prepara para entrar na Bolsa de Valores de Hong Kong.

Porém, a recente descoberta de que a empresa está ‘valorizando’ mais o Bitcoin Cash (BCH) do que o Bitcoin (BTC), gerou receios na comunidade de criptomoedas.

Samson Mow, diretor de segurança (CSO) da Blockstream, revelou em seu Twitter no último sábado (11) que a Bitmain, maior empresa de mineração de bitcoin do mundo, está dando preferência ao Bitcoin Cash e não ao Bitcoin.

O tweet de Mow também indicou que a empresa apostou na sobrevivência do Bitcoin Cash em 2018 e vendeu Bitcoins para adquirir mais delas.

Após a repercussão, muitos críticos acreditam agora que o próximo passo da Bitmain, a sua Oferta Inicial Pública (IPO), pode ser, talvez, o pior investimento numa bolsa regulamentada.

Mow acredita que se não tivesse sido divulgada recentemente a vulnerabilidade do Bitcoin Cash por desenvolvedores do Bitcoin, a gigante da mineração já teria aplicado pelo menos US$ 1 bilhão do seu balanço em BCH.

A tabela faz parte de informações que a Bitmain deve apresentar a uma bolsa de valores. A imagem mostra que, em dezembro de 2016, a Bitmain detinha 71.560 Bitcoins e nenhum Bitcoin Cash e, em março de 2018, detinha 22.082 BTC e 1,02 milhões de BCH (a primeira coluna na imagem representa a quantia retida e a segunda exibe o preço médio em que a moeda foi comprada, em dólar).

Portanto, os números mostram que a Bitmain demonstrou uma preferência pelo Bitcoin Cash.

De acordo com o Bitcoin.com, desenvolvedores associados à Bitmain discutem uma proposta chamada ‘Wormhole’, que seria uma camada para a construção de contratos inteligentes no blockchain do Bitcoin Cash, notou o Finance Magnates.

Outro indício de que o Bitcoin está ficando de lado: na semana passada, a Bitmain anunciou investimento de US$ 3 milhões em uma empresa de publicidade digital que vai usar o protocolo de contrato inteligente do Bitcoin Cash para desenvolver um token.

Mais um sinal de que há algo ‘no forno’ aconteceu em abril deste ano. A Antpool, um grupo de mineração controlado pela Bitmain, responsável por 14,4% de toda a mineração Bitcoin, disse que queimaria 12% de todas as recompensas de mineração do Bitcoin Cash. Quem é do ramo sabe que queimar tokens valoriza. E não deu outra. Após o anúncio o Bitcoin Cash teve um aumento de 50%.

Considerando a oferta atual de Bitcoin Cash que é de 17.288.638 de unidades, de acordo como o CoinMarketCap, a Bitmain já detém 5% do lote. Um número bastante expressivo.

Ataque de 51%

Um artigo postado no Medium nesta segunda-feira (13) deixa claro que é possível um ataque de 51% sobre a rede do Bitcoin Cash, de acordo com o usuário Crypto Herpes Cat.

“Se Bitmain não investir continuamente em hardware e eletricidade para manter a cadeia viva, provavelmente a rede Bitcoin Cash morrerá um um ataque de 51%”.

O texto também diz que, no entanto, um ataque desse agora é exagerado, mas caso isso venha a acontecer futuramente, a Bitmain seria obrigada a puxar o hash para defendê-la.

Allex Ferreira, mais conhecido como Barão do Bitcoin, publicou um artigo na terça-feira (14) intitulado “Bitmain e Bitcoin Cash: jogada arriscada ou carta na manga?”.

Ferreira diz que a IPO da Bitmain precisa ser analisada “à luz da estratégia que a companhia vem adotando no mercado”.

Ciente de que a preferência pelo Bitcoin Cash não está sendo boa para a imagem da mineradora, ele relembra que “BCH é o criptoativo preferido de Jihan Wu, dono da Bitmain, e, junto com Roger Ver, ele vem tentando vender a narrativa de que este é o verdadeiro Bitcoin”.

Preparação para a IPO

A preparação para a IPO da Bitmain teve três rodadas de financiamento. A última, que aconteceu no início deste mês, contou com três gigantes da Ásia: o grupo japonês Softbank, a empresa chinesa Tencent e a China Gold. Com US$ 1 bilhão arrecadado por meio dos novos parceiros, a empresa ficou avaliada em US$ 15 bilhões.

A Bitmain tem trabalhado para ser listada na Bolsa de Valores de Hong Kong (HKEX). Por isso, uma das primeiras coisas foi utilizar os serviços da China International Capital Corporation [CICC], uma das principais empresas bancárias de investimento na China.

A gigante de mineração, que também é uma das maiores fabricantes de chips Asic, foi avaliada em US$ 12 bilhões após a segunda rodada de financiamento que trouxe a Sequoia Capital China, a americana Coatue Management e EDBI, um fundo Cingapura, que investiram entre US$ 300 milhões e US$ 400 milhões.

Há um ano a Bitmain recebia seus primeiros investimentos através da Sequoia Capital China e  IDG Capital, num total de US$ 50 milhões.


Compre Bitcoin no Celular

A BitcoinTrade é a melhor plataforma para operar criptomoedas do Brasil.
Compre Bitcoin, Ethereum e Litecoin com segurança e liquidez, diretamente pelo app.
Baixe agora e aproveite, acesse: www.bitcointrade.com.br

O post Bitmain vende Bitcoin e compra Bitcoin Cash antes de sua IPO apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!