Taxa de subocupação por insuficiência de horas sobe a 7,1% no 2º trimestre – Isto É

A taxa de subocupação por insuficiência de horas ficou em 7,1% no segundo trimestre de 2018 ante 6,8% no primeiro trimestre do ano. Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) divulgados nesta quinta-feira, 16, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O indicador inclui as pessoas ocupadas com uma jornada inferior a 40 horas semanais que gostariam de trabalhar por um período maior. Na passagem do primeiro trimestre para o segundo trimestre do ano, houve um aumento de 317 mil pessoas na população nessa condição.

Já a taxa combinada de subocupação por insuficiência de horas trabalhadas e desocupação foi de 18,7% no segundo trimestre de 2018 ante 19,1% no primeiro trimestre do ano. A taxa combinada de subocupação por insuficiência de horas trabalhadas e desocupação inclui as pessoas ocupadas com uma jornada inferior a 40 horas semanais que gostariam de trabalhar por um período maior, somadas às pessoas que buscam emprego.

No segundo trimestre de 2018, havia o equivalente a 19,474 milhões de trabalhadores desocupados ou subocupados por insuficiência de horas trabalhadas, sendo 6,508 milhões deles subocupados por insuficiência de horas.

A taxa combinada da desocupação e da força de trabalho potencial – que abrange as pessoas que gostariam de trabalhar, mas não procuraram trabalho, ou que procuraram, mas não estavam disponíveis para trabalhar (força de trabalho potencial) – foi de 18,8% no segundo trimestre de 2018, o que representa 21,128 milhões de pessoas nessa condição. No terceiro trimestre, essa taxa estava em 19,2%.

O post Taxa de subocupação por insuficiência de horas sobe a 7,1% no 2º trimestre apareceu primeiro em ISTOÉ DINHEIRO.

Fonte Oficial: Isto É.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!