SEC vai revisar os pedidos de ETF de Bitcoin negados – Portal do Bitcoin

A Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC), que rejeitou nove pedidos de criação de fundos de índices comercializados como ações (ETFs) de Bitcoin, vai rever a decisão, conforme publicação de um documento do Secretário Brent J. Fields entregue a Eugene Schlanger nesta quinta-feira (23).

“Esta carta é para notificá-lo que, de acordo com a Regra 43 1 das Regras de Prática da Comissão, 17 CFR 201.431, a Comissão irá rever a ação delegada. A ordem é suspensa até que a Comissão ordene o contrário. O Gabinete do Secretário irá notificá-lo de qualquer ação pertinente tomada pela Comissão”, diz um trecho do documento que também descreve todos os pedidos de ETF rejeitados.

Desta forma, o veredito anunciado na última quarta-feira (22) que impede que os ETFs entrem no mercado regulado pode tomar outro rumo caso a equipe da SEC acabe mudando de ideia.

Um dos argumentos enunciados da agência reguladora para não tornar viável a entrada do Bitcoin no mercado é de que eles ainda não estavam convencidos de que os produtos não seriam sujeitos a fraude ou manipulação, semelhante ao alegado na rejeição do ETF dos irmãos Winklevoss em meados de julho deste ano.

Segundo a Reuters, quatro representantes da SEC revisarão essas decisões.

Negou na noite de quarta-feira

A SEC havia rejeitado mais duas propostas de criação ETFs de Bitcoin. Com limite para tomar uma decisão até esta quinta (23), a agência reguladora rejeitou dois pedidos feitos pela ProShares que rastreariam contratos futuros de bitcoin. Acompanhando essa rejeição, a SEC também rejeitou dois pedidos da GraniteShares e cinco pedidos de ETFs da Direxion.

A agência reguladora havia dito que a NYSE Arca, que apresentou o pedido de ProShares, não cumpriu sua exigência “que as regras de uma bolsa nacional de valores mobiliários sejam projetadas para evitar atos e práticas fraudulentas e manipuladoras”. O mesmo foi argumentado nos pedidos da GraniteShares e da Direxion.

Ponto positivo

Hester Peirce, um dos membros da SEC, foi a única que votou a favor do requerimento dos pedidos de ETF Bitcoin Trust dos Winklevoss (negado por 3×1) e mostrou perspectivas positivas sobre criptomoedas, além de considerar que a Comissão avaliou o caso de forma errônea.

Segundo ela, a SEC rejeitou o pedido dos irmãos Winklevoss porque a mudança na regra não seria condizente com o Ato de Títulos Imobiliários, mas Peirce considera que a avaliação dos outros membros excedeu suas funções, por terem avaliado o potencial de manipulação dos commodities – os criptoativos – em vez das condições do mercado.

“Tenho a posição de que a mudança que foi colocada diante de nós era realmente consistente com o Ato de Valores Imobiliários, portanto, não haveria motivo para nós não autorizarmos o produto de prosseguir”, disse, na ocasião, Peirce.


Procurando o melhor lugar para fazer seus trades?

A Huobi, exchange líder em ativos digitais, chegou ao Brasil! Crie sua conta em menos de 1 minuto. Plataforma em português, mais de 150 altcoins, taxa de apenas 0,20%, liquidez e muita segurança, acesse: https://www.huobi.com/

O post SEC vai revisar os pedidos de ETF de Bitcoin negados apareceu primeiro em Portal do Bitcoin.

Fonte Oficial: Portal do Bitcoin.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!