Dólar tem leves oscilações ante real com preocupações com guerra comercial; eleições seguem no foco Por Reuters – Investing.com

2/2
© Reuters. Notas de reais e dólares em foto ilustrativa

2/2

Por Claudia Violante

SÃO PAULO (Reuters) – O dólar reduziu a queda ante o real e passou a registrar leves oscilações nesta sexta-feira acompanhando o cenário externo, com a intensificação das preocupações com a guerra comercial norte-americana e a cautela com o cenário eleitoral local como pano de fundo.

Às 13:51, o dólar recuava 0,32 por cento, a 4,1821 reais na venda, depois de terminar a véspera a 4,1957 reais. Na máxima, a moeda foi a 4,2116 reais. O dólar futuro tinha perda de cerca de 0,65 por cento.

A Bloomberg noticiou no início da tarde que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, instruiu assessores a prosseguir com tarifas sobre 200 bilhões de dólares a mais em produtos chineses, apesar das tentativas do secretário do Tesouro de retomar as negociações com a China.[nE6N1VM00Q]

“Declarações de Trump sobre tarifas contra a China reacenderam a cautela com o recrudescimento da guerra comercial”, explicou um profissional da mesa de câmbio de uma corretora local.

O dólar ampliou a alta ante a cesta de moedas e subia ante os emergentes, com exceção para o recuo ante o rublo após o banco central russo elevar os juros para 7,5 por cento. [nL2N1W00GC]

Na cena doméstica, os investidores aguardam para após o fechamento a divulgação de nova pesquisa Datafolha sobre intenção de votos. O levantamento encomendado pela XP Investimentos e divulgado nesta manhã mostrou que o candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, manteve a liderança, enquanto quatro candidatos estão em empate técnico na briga pela segunda posição. [nL2N1W00NP]

Os investidores têm optado por posições defensivas enquanto buscam mais clareza sobre o desfecho eleitoral, ao mesmo tempo em que começam a questionar possíveis intervenções do Banco Central depois de o ter encostado no patamar de 4,20 reais na véspera, já que a moeda estava nesses níveis quando o BC atuou no final do mês passado.

“O BC também poderia estar esperando para ter um cenário mais claro para intervir no mercado de câmbio”, avaliou Fernanda.

Para a sessão desta sexta-feira, por ora, o BC apenas anunciou e fez leilão para rolagem do vencimento de swaps tradicionais -equivalentes à venda futura de dólares- de outubro, no total de 9,801 bilhões de dólares, dos quais já rolou 4,905 bilhões de dólares. [nEMN2C7RO2]

Se mantiver essa oferta diária e vendê-la até o final do mês, terá feito a rolagem integral.

Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.

Fonte Oficial: Investing.com.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!