Marina minimiza Datafolha e diz que pesquisa é retrato momentâneo – Isto É

A candidata da Rede à Presidência, Marina Silva, minimizou, em nota, a queda nas intenções de voto capturadas pelo instituto Datafolha e afirmou que a pesquisa é um “retrato momentâneo das candidaturas em disputa numa eleição que é a mais incerta de nossa história recente”.

A intenção de voto na ex-senadora caiu de 16% em agosto para 11% na pesquisa do início desta semana e 8% no levantamento divulgado na noite desta sexta-feira, 14.

“Seguiremos percorrendo o Brasil e vamos mostrar aos eleitores que existe, sim, uma candidatura capaz de fazer um governo de transição e ficha limpa, encerrar o ciclo de polarização e ódio que assola o País e reconduzir nossa economia ao caminho do crescimento, com sustentabilidade, ética e competência”, completou a nota de Marina.

Fonte Oficial: Isto É.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!