Acionista da Gafisa pede adoção de voto múltiplo em AGE para eleição de conselho – Isto É

A GWI, maior acionista da Gafisa com cerca de 30% de participação no capital, pediu a adoção de voto múltiplo na escolha dos membros do conselho de administração da construtora. Por ter mais de 5% do capital votante, o procedimento será adotado na deliberação.

No início de agosto, a GWI pediu a convocação da assembleia para destituição do conselho e eleição de novos nomes indicadores por ela.

A GWI tem, atualmente, dois dos sete assentos do conselho, mas quer ampliar seu controle, pois está insatisfeita com a administração da incorporadora. Nos seus planos estão mudanças na política de remuneração dos executivos e, possivelmente, troca do alto comando da Gafisa, segundo apurou o Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado.

As consultorias de governança corporativa Glass Lewis e Institucional Shareholder Services (ISS), que assessoram investidores em tomadas de decisões, recomendaram aos acionistas da Gafisa que votem contra a proposta de destituição do conselho de administração na assembleia geral de acionistas (AGE) que será realizada no dia 25 de setembro.

Fonte Oficial: Isto É.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do World Câmbio.

Comentários

você pode gostar também

Quer fazer parte de nosso grupo?

Inscreva-se em nossa newsletter!